Uma volta de escuna - Santos


Olá amores e amoras,
Segundo post da série Santos, hoje vou falar um pouco do passeio que fiz de escuna. Na verdade esse passeio durou mais ou menos 1:30h e foi muito bacana, o objetivo era conhecer o porto de Santos pelas águas (por dentro é mais perigoso e tem mais burocracia) mas como tenho muitas fotos eu vou falar do porto em outro post.



É desta ponte que parte as escuna para diversos roteiros, um dos pontos mais visitados de Santos. Os locais para partir de escuna são: Ilha das Palmas, Ilha Urubuqueçaba e a Praia de Góes. 
Além da vista maravilhosa, a ponte conta com um restaurante, Trapiche Bar.



O passeio que fizemos foi com o Turismo no Mar, preciso fazer uma propaganda da escuna porque o Comandante Alcides foi muito atencioso, além de explicar sobre tudo ele também fazia gincanas e sorteava alguns prêmios, muito legal, valeu a pena !
O objetivo do passeio mesmo foi o porto, porém também conta com a vista de algumas ilhas.
O preço dos bilhetes são R$25,00, porém crianças de 4 a 10 anos e maiores de 60 pagam apenas R$15,00 e menores de 4 não pagam.


Forte da Barra
Monumento histórico-militar que enriquece a bela paisagem ao realizar um passeio de escuna. 
Foi erguida em 1584, por ordem de Felipe II, rei da Espanha, com o objetivo de proteger o Porto de Santos. O local ficou ativo até 1905, sendo substituído pela Fortaleza de Itaipu - situada em Praia Grande - e tombado em 1967. 
Entre 1992 e 2012 foi um espaço público destinado à atividades comunitárias e sociais pelo Núcleo de Extensão Comunitária  - Necom - da Universidade Católica de Santos - UniSantos. Hoje é administrado pela Prefeitura de Guarujá em parceria com a Iphan - Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.


  
Foto tirada por: Ana Carolina Gonçalves

O passeio de escuna é muito tranquilo, eu que nunca tinha ido amei e olhando essas fotos está batendo uma saudade imensa, super recomendo mesmo. É empolgante ter cabelos ao vento, além de que se o tempo estiver bom o comandante libera 15 min para dar um mergulho. Lembrando que o Turismo no Mar possui coletes suficientes e a dona disse que a escuna suporta 100 pessoas, mas eles nunca passaram de 90. Segurança é tudo.


Foto tirada por: Bianca Nogueira


Foto tirada por: Bianca Nogueira
Ponte Edgard Perdigão
Foto tirada por: Luís Sanchez

Dica: façam o passeio de escuna e com os amigos, melhor coisa.

Até o próximo post amoras.
Beijos!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário