15 março 2016

Cidade perdida dos Incas

Fonte: Revista Pelo Mundo
Olá amores e amoras,
Vocês se lembram quando fiz aquele post sobre as 7 maravilhas do mundo (acesse o post aqui ) e comentei sobre a cidade dos incas - a cidade perdida - que fica localizada próxima a Machu Picchu ? Pois então, hoje chegou o dia em que vou contar a história deste lugar que parece conter os seus segredos.

Fonte: Guia Viajar Melhor
No alto das montanhas próximas antiga capital Cusco, foram erguidas algumas cidades no período áureo do império, e algumas já foram decifradas - como Machu Picchu - e outras ainda continuam em pesquisa para estudiosos da cultura Inca. 
Claro que uma cidade tão misteriosa tem uma história por trás e é quando Tupac Amaru - último soberano inca - entra na história, lutando até a morte contra os conquistadores espanhóis, em 1572, em um ponto secreto entre as montanhas e florestas. 
O pai de Tupac, Manco Inca, ficou tão horrorizado com as coisas que os invasores cometiam que fugiu de Cusco 36 anos antes para estabelecer em Vilcabamba um frente de residência. Claro que Tupac foi valente como o pai e venceu os espanhóis, e ainda inspiram os libertários de movimentos populares da América Latina, mas seu refúgio jamais foi encontrado.
Porém um grupo liderado por Peter Frost pode ter acabado com este mistério, em um ponto cerca de 35 km de Machu Picchu, conseguiram atingir um conjunto de ruínas, que por conta da localização e da idade de uma série de artefatos, pode ter sido o local de defesa dos incas.

Esse sítio arqueológico já tinha sido avistado por Frost em 1999, conhecido como Cerro Victoria, mas depois de 2 anos de preparo e também um financiamento pela National Geographic Society eles conseguiram chegar até o local. O sítio tem 6 km² a uma altitude de mais de 3,6 mil metros e nesta área cercada por florestas úmidas, os Incas podiam contemplar picos de até 6 mil metros, podendo ser um lugar onde eles poderiam montar seu calendário de acordo com as contemplações de céu e sol.

Fonte: Cusco cusco go go Tumblr

Cerro Victoria apresenta um conjunto de edifícios circulares, além de muros, plataformas cerimoniais, estradas, canais de água, barragem, terraços de cultivo, túmulos repletos de artefatos incaicos e uma pirâmide semidestruída.
Bom,  a chave do enigma esta na interpretação de peças de cerâmica de perídos a cerca de 1200 (época da ascensão do impértio) e a de meados do século 16 (fase final da luta de Tupac com os espanhóis), fazendo com que possa ser desvendado todo o enigma da ocupação nessa área. 
Claro que toda essa aventura valeu a pena para o grupo de pesquisadores, além de o lugar fica a 4 dias de caminhada da estrada mais próxima, tiveram que vencer o cânion Apurimac, de 3,3 mil metros de profundidades e  além de terem usado tropas de mulas para carregar suprimentos de água e comida. Mas se você acha que este lugar era desconhecido por todos, esta enganado, Cerro Victoria era ocupados por duas famílias indígenas, no qual chamavam o lugar de Coryhuayrachina.

Interresante, não? Eu realmente gostaria de conhecer este lugar, deve ser lindo (esquecendo a parte do quão longe é) e imaginem como sairíam as fotos desse lugar, haja cartão de memória. 
Vocês gostariam de ir à uma aventura como essa ?

Fonte: Tumblr


Nenhum comentário:

Postar um comentário

SONHOS AFLORADOS
LAYOUT POR LUSA AGÊNCIA DIGITAL