Eu fui! : Vila de Paranapiacaba - SP


Olá amores e amoras,


Eu estava a tempos com muita vontade de conhecer Paranapiacaba e domingo passado conseguir realizar esta vontade. Um lugar muito belo, porém possui tanta serração que parece que estamos dentro de um filme de terror, muito louco.

A vila ficou popularmente conhecida por sua estrada de ferro, que foi construída após a expansão do café, dessa forma era necessário que houvesse uma forma mais rápida para exportar o café para Santos.  Assim, os estudos para a construção das estradas começaram em 1835, mas apenas em 1850 que a ideia saiu do papel.
Toda a construção da ferrovia foi por intermédio e parceria dos ingleses, no qual tinham vasta experiência em construção de ferrovias com suas máquinas a vapor, sendo assim as obras tiveram início em 1860 pelos ingleses da empresa inglesa São Paulo Railway Co. 


Inicialmente a vila de Paranapiacaba era apenas um acampamento de operários, e quando a ferrovia foi inaugurada - em 1867 - teve-se a  necessidade de construir a Estação Alto da Serra para que houvesse uma maneira de realizar as manutenções da ferrovia

Por terem aumentado o comércio e a produção agrícola, foi necessário duplicar as estradas e para isso construíram a casa do engenheiro-chefe no alto da colina, chamada de Castelinho, onde podia ser observado toda a movimentação dos trens e obras. E na mesma época ergueram-se a Vila Martin Smith, com casas no estilo inglês, feitas de madeira, no qual foram feitas para moradia dos operários.


Em meados da década de 40 comerciantes começaram a ocupar a parte alta de Paranapiacaba, que não pertencia a companhia e que tinham outros padrões arquitetônicos ,(no qual era no estilo português) e ali também moravam os operários antigos que já não podiam morar nas casas que a companhia cedia. 

Algo que ficou como destaque da cidade foi o grande relógio, no qual foi fabricado em Londres por Johnny Walker Benson.


A vila de Paranapiacaba é bem aconchegante, porém por ser uma serra em tempos como Outono e Inverno a serração é intensa. Quando eu cheguei na vila estava um dia bom, mas do nada a serração começou aparecer lentamente e muito forte, fica tudo branco, a ponto de a câmera não conseguir captar nada e o clima fica bem gelado. 
Mas claro que esse clima não tira a beleza da cidade, na minha opinião da até um charme a mais, ou talvez ela fique mais assombrada, afinal o vento é intenso e as vezes você vê algumas pessoas vindo no meio da serração e parece fantasma. 







O passeio para a vila é muito gostoso, vale a pena, tem muita cantinho fofo pra tirar foto, eu fiz até um ensaio fotográfico lá e as fotos ficaram ma-ra-vi-lho-sas !

Quem quiser ir pelo Expresso-Turístico, tem que comprar a passagem na Estação da Luz aqui em SP e o trem faz a viagem apenas aos domingos, as 08h da manhã e retorna as 16:30h.  Vale a pena!

Espero que tenham gostado, até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário