Livro do mês: O Ar que Ele Respira - Brittainy C. Cherry



Detalhes do livro:
Autor: Brittainy C. Cherry
Editora: Record
Gênero: Romance, Drama
Ano: 2016
Nº de páginas: 308

Prefácio: Como superar a dor de uma perda irreparável? Elizabeth está tentando seguir em frente. Depois da morte do marido e de ter passado um ano na casa da mãe, ela decide voltar a seu antigo lar e enfrentar as lembranças de seu casamento feliz com Steven. Porém, ao retornar à pequena Meadows Creek, ela se depara com um novo vizinho, Tristan Cole. Grosseiro, solitário, o olhar sempre agressivo e triste, ele parece fugir do passado. Mas Elizabeth logo descobre que, por trás do ser intratável, há um homem devastado pela morte das pessoas que mais amava. Elizabeth tenta se aproximar dele, mas Tristan tenta de todas as formas impedir que ela entre em sua vida. Em seu coração despedaçado parece não haver espaço para um novo começo. Ou talvez sim.

Olá amores e amoras,

Estou super animada pra escrever este post. Comprei este livro no ferido de Carnaval sem querer, pois eu estava no shopping, entrei na livraria apenas pra olhar e encontrei esse livro. Na real pensei que era apenas um simples romance e um drama, mas quando comecei a ler percebi que também é um romance adulto, o que acaba deixando o livro mais interessante.
Quando li o prefácio, me encantei pela história, de duas pessoas com almas arrasadas e tentando seguirem com a vida da forma que achavam possíveis, mas que no meio do caminho se encontram, - e também pela maravilhosa capa.
É um pouco difícil contar a história do livro sem desvendar alguns segredos, mas eu juro que vou tentar, porque assim como vocês eu odeio spoiler, ainda mais de livros. 


Elizabeth perdeu seu marido em um terrível acidente, e decidiu ficar na casa da mãe com sua filha - Emma -, mas as coisas por lá não estão mil maravilhas, já que sua mãe ficou bastante perdida após a morte de seu marido (pai de Elizabeth). A mãe de Lizzie (apelido da personagem) tenta se encontrar curtindo a vida com outros caras, que sempre acaba "usando", fazendo-os se apaixonar e depois diz que não deu certo, e Lizzie já não aguenta mais isso.
Certo dia, Elizabeth decidi voltar para sua casa, e quando chega em seu bairro acaba atropelando o cachorro de um estranho, cujo nome é Tristan Cole, e que é um cara muito grosseiro.

Quando tragédias acontecem e há crianças envolvidas, ninguém consegue raciocinar direito. Agimos da forma que nos parece ser a mais correta. Você só tentou sobreviver e fez o melhor que pôde. Não fique se culpando por isso.

Muitas coisas vão acontecendo, até que Elizabeth acaba conseguindo conversar com Tristan e descobre o que o aflige, o que acabou deixando-o amargo e frio desse jeito, e o que ela fica sabendo é que a mulher e o filho dele morreram em um acidente de carro, então desde aí é como se Tristan tivesse morrido junto. 
Aos poucos os dois vão se aproximando, e uma tentativa - bem louca - de lembrar seus companheiros, acabam se envolvendo em um sex-cionamento (como apelida a melhor amiga de Lizzie), mas o que eles não esperavam é que no meio disso tudo iria surgir um forte sentimento pelos dois.


Desde então, o casal realmente acaba se tornando um casal e um acaba ajudando o outro a superar as perdas, Elizabeth mostra à Tristan como é viver de novo, e Tristan, em retorno, enche Lizzie de amor e companheirismo, junto de Emma, que o ama também. Claro que uma história assim não poderia acabar feliz tão rápido, então ao longo da trama acaba sendo revelado algo que nenhum dos dois sabiam e isso separa o casal e acaba caminhando para uma tragédia. 
Não tem como eu contar mais, pois irei acabar com a vantagem do livro, mas tudo acaba bem e pelo que entendi, possivelmente haverá outro livro - o que achei fantástico. 

 A magia está nos pequenos momentos. Nos pequenos gestos, nos sorrisos gentis e nas risadas silenciosas. A magia é viver todos os dias e se permitir respirar e ser feliz. Meu querido, a magia é amar.

Eu nunca tinha lido um livro da autora Brittainy, mas amei e já encomendei outro, assim que eu ler, resenho para vocês. 
Até a próxima e boa leitura amoras!

Nenhum comentário:

Postar um comentário